Rubiane Silva Sampaio

A ausência do Serviço de Proteção Social Básica no Domicílio para Pessoas com Deficiência e Idosas e seus impactos no PAIF

A ausência do Serviço de Proteção Social Básica no Domicílio para Pessoas com Deficiência e Idosas e seus impactos no PAIF

Preconizado na Tipificação Nacional dos Serviços Sociassistencias (2009), o Serviço de Proteção Social Básica no Domicílio para Pessoas com Deficiência e Idosas, tem por objetivo viabilizar a proteção social, ofertada pela política de assistência à esta parcela da população que muitas vezes, em razão da deficiência, doenças e/ou idade avançada, possuem mobilidade reduzida e logo, dificuldade de acesso à assistência e outras políticas públicas. As barreiras que se impõem à estas pessoas se estendem à ambientes sociais em geral, uma vez que nossa sociedade é,Continue lendo

As potencialidades do Acompanhamento Familiar na Assistência: porquê fazer um Plano de Acompanhamento.

As potencialidades do Acompanhamento Familiar na Assistência: porquê fazer um Plano de Acompanhamento.

A política de assistência social, desde sua implementação e estruturação, tem como diretriz a matriacilidade familiar. Essa diretriz considera família como “sujeito de direitos”, espaço privilegiado de proteção primária, foco para as intervenções, programas e projetos a serem realizados pela assistência. Dessa forma, a família, compreendida como pessoas unidas por laços de consanguinidade e/ou afetividade, afinidade e solidariedade; deve ter sua proteção garantida pelo Estado, como reconhecido na Constituição Federal de 1988. Na assistência social, as famílias usuárias são heterogêneas e apresentam não só fragilidadesContinue lendo

Mobilização pelo fim da violência contra as mulheres: como a Assistência Social pode ser uma ferramenta?

Mobilização pelo fim da violência contra as mulheres: como a Assistência Social pode ser uma ferramenta?

O dia 08 de Março, marca o Dia Internacional da Mulher, estabelecido não como data comemorativa (ao contrário do que se instituiu no senso comum), mas intrinsecamente ligada às condições desiguais encontradas no mundo do trabalho pela população feminina. Propondo reflexão e ações em torno da questão, ao longo dos anos os debates acerca da posição da mulher na sociedade se ampliaram, abrangendo as diversas formas que o machismo atravessa socialmente as mulheres, nos âmbitos públicos e privados da vida. Dentre estes atravessamentos, está aContinue lendo